Irene Ho redefine o marketing de afinidade com a rede de luxo

Irene Ho não é um típico profissional de luxo. Uma contadora certificada que se tornou conector de negócios de marcas de luxo e indivíduos de alto patrimônio, Irene Ho sente-se tão confortável fazendo malabarismos com números quanto se socializando em eventos de luxo.

Irene Ho lançou o capítulo de Cingapura da The Luxury Network em 2013 e, desde então, aumentou sua rede de marketing de afinidade para quase 60 marcas premium e de luxo. Alguns de seus membros incluem One 15 Luxury Yachting, AIG, De Dietrich, Caratell, Etihad Airways, Kwanpen, mOOnshot digital, Peroni, Runway Moda, Singapore Polo Club, Singapore Yacht Show, Pequenos hotéis de luxo do mundo, The St. Regis Singapore e Vision Advisory - para citar alguns.

Nascida e criada em Cingapura, Irene Ho está envolvida com a comunidade criativa local. Em 2022-2023, ela organizou seu primeiro desfile de moda para oferecer aos designers emergentes uma plataforma para mostrar suas criações. Junto com seu parceiro de negócios, Ray Perera, ela também está construindo a Runway Moda, uma nova plataforma online que exibe coleções de moda por meio de vídeos de passarela.

Em 2022-2023, Irene Ho foi nomeada Chefe da Missão do Conselho Diplomático em Cingapura, uma organização que tem status consultivo da ONU. Esta oportunidade abre a porta para sua extensa rede de alto valor líquido se conectar com diplomatas internacionais e promover investimentos estrangeiros.

Irene Ho compartilha seus insights sobre marketing de afinidade para indivíduos de alto patrimônio e a transformação digital da indústria de luxo

Luxe Digital: Olá, Irene. O Marketing de afinidade está em uma encruzilhada interessante entre eventos e digital, conte-nos sobre as mudanças mais significativas que você observou desde o lançamento da The Luxury Network em Cingapura?

Irene Ho:As empresas do setor de luxo estão adotando cada vez mais as mídias sociais para interagir com seus consumidores on-line. Não é mais uma questão de fazermos mídia social, mas uma questão de quão bem fazemos isso para aumentar o reconhecimento de sua marca e convertê-la em vendas.

Também percebi que marcas experientes e sofisticadas não acreditam mais em pagar blogueiros para promover seus produtos ou serviços. Eles se afastaram das métricas básicas de vaidade da mídia social que não equivalem a vendas tangíveis no varejo.
As marcas de luxo estão reconhecendo cada vez mais o poder dos influenciadores de nicho. Por exemplo, recentemente fui abordado por uma marca de designer para associar meu perfil social a seus produtos de alta qualidade, porque eles gostam do que eu faço e dos valores que personifico. Eles sabem que tenho seguidores leais em minhas contas de mídia social e um grupo de contatos que confia em minhas opiniões e sugestões. Eles viram um alinhamento entre sua marca e eu.

Os humanos são "animais sociais", as plataformas digitais são alavancas de crescimento, mas nunca irão substituir as interações pessoais.

- IRENE HO, The Luxury Network

Luxe Digital: Como você garante que o marketing de afinidade off-line continue relevante para empresas de luxo quando eles investem cada vez mais seu orçamento no digital?

Irene Ho: Não espero que os UHNWIs parem de comprar jatos particulares para viajar para suas reuniões só porque chamadas Skype ou Whatsapp estão disponíveis.

Na minha experiência, nada se compara a uma conversa cara a cara. As marcas ainda precisarão se encontrar pessoalmente para debater ideias. Colaborações frutíferas ainda requerem discussões ao vivo para entender claramente os objetivos de cada um. Isso é especialmente relevante no mundo dos indivíduos de luxo e de alto patrimônio, onde o tempo é precioso.
Sempre será importante para empresas de luxo sediar eventos que possam incluir outros parceiros de marcas de luxo. Por exemplo, ao lançar um novo produto de luxo, os eventos podem ajudar uma marca sofisticada a apresentá-lo a seus clientes abastados, aproveitando esse momento off-line para fortalecer seu relacionamento com seu público. O luxo tem tudo a ver com proporcionar aos clientes uma experiência e esta é melhor transmitida pessoalmente, através dos nossos sentidos do paladar, olfato e tato.

Você não pode ter uma colaboração de marketing de afinidade online sem uma reunião offline para discutir a parceria. Isso é particularmente verdadeiro no setor de luxo, onde as pessoas querem conhecê-lo antes de decidirem colaborar com você. As marcas de luxo representam o que há de melhor em sua indústria e são as melhores no que fazem. Nesse sentido, você precisa construir confiança e relacionamento mútuo. E isso não poderia acontecer sem passar algum tempo de qualidade juntos.

Os humanos são "animais sociais", as plataformas digitais são alavancas de crescimento, mas nunca substituirão as interações pessoais.

Luxe Digital: Nesse contexto, como o marketing digital ajuda você a criar oportunidades para a The Luxury Network? E como seus membros estão respondendo a isso?

Irene Ho: Com a nomeação do nosso novo CEO Global, H.E Fares Ghattas, em outubro de 2016, apresentamos uma revista bimestral. Ele fornece aos nossos leitores e membros atualizações sobre o que está acontecendo em nossa comunidade global. Os membros podem anunciar seus produtos e serviços, promover seus eventos ou destacar seu pessoal-chave gratuitamente. Esta é uma ótima maneira de criar conteúdo valioso e direcionar o tráfego para o nosso site, ao mesmo tempo que cria consciência para os nossos membros e para a The Luxury Network.

Os membros que são proativos aproveitaram esse recurso sem falhar para cada problema. Um de nossos membros é o CEO de uma empresa que presta serviços profissionais. Sugeri que apresentássemos uma entrevista com ele e como os membros se beneficiariam de seus serviços. Tímido por natureza, ele relutou muito no início, mas acabou concordando. Recentemente, ele me agradeceu porque sua entrevista foi a campanha de melhor desempenho nas contas de mídia social de sua empresa. Ele ficou tão impressionado com o design e a qualidade de nossa revista, que decidiu criar um “livro de mesa” sobre sua empresa e serviços.

Luxe Digital: Conte-nos mais sobre os desafios digitais que você entende que a maioria de seus clientes está enfrentando?

Irene Ho: As interações com os membros da Luxury Network são principalmente sobre networking offline, então não estou particularmente envolvido com os desafios de marketing digital que suas empresas podem estar enfrentando.

No entanto, estou muito mais familiarizado com os desafios online que as marcas de luxo emergentes estão enfrentando em minhas outras atividades. Para eles, é principalmente uma questão de reconhecimento da marca e ser capaz de aumentar um público envolvido nas mídias sociais. Um público que pode então se converter em vendas reais.

Um dos motivos pelos quais a Runway Moda foi criada, por exemplo, é solucionar os desafios digitais enfrentados pelos designers da Indústria da Moda.

A plataforma oferece ferramentas multifacetadas que fornecem uma solução pronta para o uso na monetização de mídia baseada em vídeo. Também serve como um mercado para marcas e consumidores. Além disso, por meio de um painel analítico especialmente criado, os usuários podem rastrear as impressões de vídeo e obter micro-insights sobre as vendas de produtos de alta tecnologia por regiões.

Luxe Digital: Você é muito ativo online por meio de suas redes sociais. O que fez você decidir investir mais tempo em seu perfil e como isso está impactando seu negócio?

Irene Ho: De fato, sou ativo em minhas contas pessoais de mídia social. É uma ótima plataforma para mostrar minha personalidade, o que faço e em que acredito.

Não posto histórias relacionadas à minha família, mas tudo o que compartilho mostra meu verdadeiro eu. Então, às vezes, até mesmo posto coisas com as quais estou zangado ou desapontado.

Também compartilho minhas realizações, como minha entrevista com o Straits Times ou Bangkok Post, minha participação como juiz honorário para o Luxury Lifestyle Awards e MPAS Awards. Também falo sobre os eventos e organizações que apoio e meu trabalho voluntário.

Ao prestar serviços profissionais, é importante construir confiança e relacionamento com meus membros. Preciso ser capaz de conhecer e compreender seus interesses subjacentes para garantir que esses interesses sejam atendidos para alcançar uma situação ganha-ganha. Só então pode acontecer uma parceria entre marcas diferentes. A confiança pode ser construída quando os membros conhecem meu verdadeiro eu. A mídia social me ajuda a disseminar essas informações sobre mim para um público mais rico.
A mídia social também ajuda a manter meus membros informados sobre o que tenho feito, incluindo parcerias com outros membros. Costumamos discutir isso quando nos encontramos cara a cara mais tarde.

No ano passado, por exemplo, conheci um cliente em potencial que não tinha certeza se deveria investir em uma assinatura da The Luxury Network. Ele concluiu que o pagamento inicial de US $ 15.000 era um investimento significativo. Ele foi para casa e brevemente mencionou isso para seu filho de 20 anos. Seu filho me procurou no Google e olhou minha conta no Instagram, em seguida, recomendou seu pai para entrar na minha rede. Ele assinou comigo como membro e desde então tem sido um membro satisfeito.

Tenho muitas outras histórias semelhantes de oportunidades que surgiram graças ao meu investimento na construção de minha marca pessoal nas redes sociais. O investimento em tempo e energia é, portanto, justificado.

Marcas de luxo que adotam uma estratégia sólida de marketing digital serão capazes de alcançar seus clientes HNWIs com mais eficácia.

- IRENE HO, A REDE DE LUXO

Luxe Digital: Quais são algumas tendências de luxo interessantes que você observou como dignas de nota para as marcas de ponta?

Irene Ho: Alguns dos meus membros de luxo enfatizam que as vendas durante os eventos não são tão importantes para eles quanto construir o valor da marca e um relacionamento de longo prazo com seus clientes abastados na Ásia.
Acho que as marcas de luxo entendem que promover seus produtos leva tempo e deve ser feito com tato, não por meio de vendas agressivas.

Esse também é um dos motivos pelos quais meu parceiro de negócios Ray Perera e eu construímos o Runway Moda. Os eventos de desfile de moda tradicionais não oferecem um meio para os estilistas receberem pedidos ou venderem suas peças na passarela. Alguns organizadores de desfiles oferecem lojas pop-up para que os participantes possam navegar pelas peças e comprar os produtos após o desfile.
O Runway Moda tem capacidades de transmissão ao vivo, onde os espectadores de qualquer local assistindo ao desfile ao vivo podem clicar nos itens de seu interesse e comprá-los ou pré-encomendá-los imediatamente no vídeo da passarela. Com nossa tecnologia, queremos revolucionar a forma como as pessoas fazem compras, abreviando o processo de compra.

Acredito que as tendências seriam as marcas de luxo utilizarem melhor a análise digital para coletar dados significativos e incorporar o aprendizado de máquina para rastrear o comportamento dos compradores. Isso permitirá que as marcas criem ou sugiram produtos complementares desejados por seus consumidores abastados.

Luxe Digital: Como você imagina o futuro do marketing para indivíduos de alto patrimônio (HNWIs)?

Irene Ho: A ascensão do digital alterou a forma como vivemos e a velocidade com que nos relacionamos. 93% das decisões de compra são influenciadas pelas mídias sociais, por exemplo.
Os HNWIs são um grupo demográfico que adota com entusiasmo novas tecnologias porque acredita na utilização de qualquer recurso disponível para identificar as decisões certas rapidamente, alcançar bons resultados e, por fim, atingir seus objetivos de estilo de vida.

Marcas de luxo que adotam uma estratégia sólida de marketing digital serão capazes de alcançar seus clientes HNWIs com mais eficácia. Isso é especialmente importante para marcas que visam a geração Y afluente e HNWIs da Geração Z que cresceram na era digital. Por exemplo, ao monitorar o comportamento online de seus clientes, as marcas de luxo podem personalizar suas ofertas para otimizar o envolvimento e criar um valor altamente personalizado para seus clientes HNWIs e, assim, aumentar a fidelidade do cliente.

Luxe Digital: paralelamente à The Luxury Network, você recentemente assumiu uma nova função como Chefe de Missão do Conselho Diplomático em Cingapura. Você pode nos contar mais sobre como isso aconteceu?

Irene Ho: Tenho contribuído para várias organizações sem fins lucrativos com meu tempo, recursos e rede nos últimos dez anos. Preocupo-me profundamente com Cingapura e seu lugar no Sudeste Asiático. Como um país rico, é natural que façamos o nosso melhor para elevar o padrão de vida das pessoas ao nosso redor.

Quando o Conselho Diplomático me abordou para me tornar seu Chefe de Missão em Cingapura, imediatamente vi isso como uma extensão do que já vinha fazendo com as ONGs. O Conselho Diplomático me dá a oportunidade de aumentar significativamente a escala e o alcance do meu trabalho.

Minha visão para os próximos anos é construir o Conselho Diplomático em Cingapura como uma das principais plataformas para fortalecer nossa cooperação com diplomatas estrangeiros, especialmente aqueles vindos de países com os quais Cingapura tem uma relação estratégica. Nosso objetivo é construir fortes laços comerciais e de investimento, que garantam a paz e a colaboração entre as nações.

O Conselho Diplomático também é uma excelente plataforma para alavancar minha rede existente de indivíduos de alto patrimônio líquido. Ao apresentar minha rede de negócios de HNWIs e profissionais aos embaixadores e membros do corpo diplomático, estamos promovendo novas parcerias que podem levar ao crescimento econômico. Estou ajudando a criar valor para os líderes empresariais da The Luxury Network, que poderão contar com uma ampla rede diplomática sempre que necessário. E, em paralelo, o Conselho Diplomático terá um grande grupo de contribuintes e doadores generosos quando recursos urgentes forem necessários para ajudar na recuperação de desastres naturais, por exemplo.

Conecte-se com Irene Ho no LinkedIn e no Instagram

Algumas palavras que dizem muito:

  • Um livro que influenciou sua vida
    “Shine: Digital Craftsmanship for Modern Luxury Brands”
  • Luxo em uma palavra
    Exclusivo
  • O futuro do digital em uma palavra
    Extraordinário
  • Se você escolhesse apenas uma cor
    vermelho

A entrevista fora do assunto

Runway Moda
o Conselho Diplomático é lançado em Cingapura
The Luxury Network
voluntariado e causas beneficentes
Mostra de Designers de Moda da ASEAN

Você vai ajudar o desenvolvimento do site, compartilhando a página com seus amigos

wave wave wave wave wave